Congelamento: Você sabe congelar vegetais? Aprenda aqui!

DAA16-0006A praticidade do congelamento dos alimentos está ao nosso favor. Principalmente em dias mais corridos, poder contar com um estoque no freezer de alimentos prontos ou pré-preparados, com certeza é uma mão na roda. Mas você sabe o que pode ou não ser congelado?
Primeiramente, segundo a Wikipedia:
Alimento congelado é o alimento preservado pelo processo de congelamento. O congelamento de alimentos é um método comum de preservação de alimentos que diminui sua decomposição e, transformando a água em gelo, o torna inacessível ao crescimento de bactérias e diminui também as reações químicas.
Hoje falaremos sobre o congelamento de vegetais. Existem muitos mitos relacionados a perca de nutrientes, tempo de estoque, formas de preparo, etc. Então este post é para sanar qualquer dúvida que ainda possa existir com relação a este tema.
Vale a pena ressaltar antes de começarmos, que o congelamento, não melhora a aparência dos vegetais, portanto, compre sempre vegetais frescos, pois eles não ficarão mais bonitos ou saborosos por causa do congelamento, mas se forem de boa qualidade, suas características serão preservadas.
Neste post, vamos aprender as técnicas de branqueamento e congelamento e as particularidades de cada vegetal.

Quais vegetais podem ser congelados?

É melhor respondermos quais não podem. Alimentos consumidos crus como alface, pepino, rúcula, tomate, não podem ser congelados, pois sua composição é basicamente composta por água que durante o congelamento se transforma em cristais de gelo, rompendo suas estruturas celulares e modificando a sua textura. Portanto, estes alimentos devem ser comprados em quantidade suficiente para o consumo imediato.
Em tempo, o tomate pode ser congelado em forma de suco, purê ou molho. Deve ir direto para o preparo (liquidificador ou refogado) e tem validade de 12 meses.
- Você sabe comprar Frutas e Verduras?
- Você sabe como armazenar Frutas e Verduras?
No mais, todos os que não se encaixam nessa categoria, podem ser congelados, mas devem passar por uma técnica chamada de Técnica de Branqueamento.

O que é a Técnica de Branqueamento?

Branquear, nada mais é que escaldar os vegetais em água fervente, depois passa-los em água fria corrente e em seguida, mergulha-los em água com gelo. Isto proporcionará um choque térmico que terá como resultado a conservação das características dos vegetais, bem como diminuirá a atividade enzimática e a proliferação de bactérias. Pode-se substituir
Antes de iniciar o branqueamento é necessário que os vegetais tenham sido higienizados corretamente.
- Você sabe como higienizar Frutas e Verduras?
O tempo em que os vegetais devem ficar submersos em cada etapa varia de acordo com a espécie, por isso temos abaixo uma tabela com essas informações. A Gisele Souza do blog Receitas de Minuto ensina que os vegetais devem ser branqueados…
…em 2,5 litros de água, mergulhando cerca de 300g cada vez, com o auxílio de uma peneira. Os vegetais deverão ficar imersos na água fervente pelo tempo indicado na tabela. A mesma água pode ser usada para até 8 porções do mesmo tipo de vegetal, aguardando-se levantar fervura antes de mergulhar nova porção (para vegetais diferentes é necessário trocar a água).
O resfriamento deve ser feito na mesma quantidade de tempo que eles foram escaldados.

Tempo de Branqueamento para Vegetais


As embalagens corretas para congelamento de verduras são os recipientes de plástico rígido, sacos plásticos e bandejas de isopor cobertas por papel-filme.
E você, já possui o hábito de congelar as verduras? Deixe o seu comentário contando a sua dica ou se ainda houverem dúvidas.
This work is licensed under a Creative Commons Attribution By license.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...